Art / Photo

Alexandre Cotinz

Alexandre Cotinz, 30 anos, skatista e videomaker. Nascido em São Paulo, começou a andar de skate na década de 90. Nesse período surgiu o interesse em filmar e editar ao assistir e colecionar vídeos de skate com os amigos. Faz parte da Agacê, Crail, De.Part e Hocks, marca na qual entrou este ano. Produziu vídeos independentes como BEATS, REEPI e Antihorário, através da produtora de mesmo nome. Também filmou para as marcas Volcom, Adidas, Asco e Crail. Cotinz é um artista único que se difere pela autenticidade e perspectiva visionária.

A sua inspiração veio dos vídeos de skate e hoje você se diz interessado em outras vertentes, como o cinema. O que você curte assistir? Diretores ou filmes preferidos?

Eu nunca tive muito interesse em trampar com cinema porque acho a estrutura cheia de hierarquias. Mas, com certeza, busco inspiração no cinema e outros meios, até em animações infantis! Dos diretores eu gosto dos caras que fazem uma coisa meio esquisita. Harmony Korine, Jodorowsky, Michel Gondry, Spike Jonze, claro! Mas um dos que mais me influencia é o David Lynch.

cotinz1

De onde vem suas referências visuais?

Apesar de ser muito fã da estética vaporwave e ter todas as referências, sou um pouco mais velho do que esta geração. Eu acho que a pira disso é mais nas paradas dos 80’s e 90’s em si do que em releituras da mesma. Apesar de também ser uma releitura minha, acredito que a influência é mais assistir Tron na sessão da tarde com 8 anos de idade, por exemplo, do que gifs do Tumblr. Uma coisa que fiz e comentam até hoje, e eu acho muito da hora, foram os videos da Cadillac 66. Talvez uma das primeiras séries de youtube de skate no Brasa, hahaha!


No que baseia seu cotidiano atualmente? Tem trabalhado em algum projeto?

Esse ano eu decidi não pagar aluguel em SP, e tô viajando por ai. Esse mês e o próximo estou em Goiânia na casa do meu filho/pai Guega Cervone. Depois não sei ao certo. Entrei na Hocks agora e acho que vou viajar bastante com eles. Se não, tenho bastante amigo por ai, depois decido pra onde vou.

Hoje em dia confesso que tenho usado meu tempo mais pra andar de skate do que filmando. Mas eu sou nerd então minha maior preocupação é fazer vídeo partes. Na verdade o prazer de ver um vídeo pronto é o mesmo de qualquer lado da câmera. Mas ainda sim estou conseguindo espremer um vídeo das poucas sessões que levo a câmera!

Além do que já produziu no seu envolvimento com o skate, você é conhecido também por uma personalidade singular que acredito ser refletida nas suas sessões. Como descreve a si mesmo?



Acho que o termo que eu mais usei pra me descrever é Mulekdoido, hahaha! Não me acho nada de especial, só sou sincero comigo mesmo. Tento fazer coisas que realmente me agradam e não me preocupar tanto com o que dizem ou acham de mim. Eu sou um cara bem estranho e pra quem é estranho, fica muito fácil fugir do padrão. É uma coisa natural, por que é no padrão que eu me sinto deslocado e isso acaba se refletindo em tudo que eu faço. O que algumas pessoas vêem como um puta trampo transgressor, às vezes é só a brisa de um cara estranho!

http://cotinz.tumblr.com
http://www.instagram.com/cotinsta/

You Might Also Like